Acessibilidade

Visando diminuir as barreiras de acessibilidade, o Museu Casa Sônia Menna Barreto proporciona o contato de pessoas com deficiência visual (total ou parcial) de todas as idades com a arte do Realismo Fantástico. Este contato é realizado através da apreciação, utilizando os sentidos do tato, olfato, paladar, cinestesia e audição, que estimulam o imaginário e ampliam o repertório. O estímulo é realizado pela disponibilização áudio-descritiva e descrição de todo o seu acervo e também da realização de experimentos multissensoriais através de obras 3D confeccionadas em fiberglass, que podem ser tocadas; aliadas a estímulos por som ambiente, aromas e degustação de alimentos e bebidas.

A Associação Menina dos Olhos (A.M.O) que favorece o processo de inclusão social de pessoas com deficiência visual em Bebedouro e região, foi a primeira a conhecer e participar da iniciativa do projeto.